terça-feira, novembro 01, 2005

As coisas que acontecem em Portugal

Há várias coisas formidáveis no nosso País, que de uma forma ou de outra nos fazem esquecer a quantidade enorme de disparates feitos por cá. É pena que essa quantidade de coisas se esteja a resumir ao clima e à nossa localização geográfica à beira-mar plantada. É triste ver que os governos se sucedem e a única coisa a melhorar são os salários e as reformas dos "boys".
Pedem-nos para apertar o cinto mas os efeitos não são visíveis. A corrupção e as cunhas abundam. Nem seria tão mau se o País mostrasse sinais de desenvolvimento e de crescimento económico decente, é óbvio que isso não acontece e só dá vontade de chorar ao comparar Portugal com os restantes países da União Europeia. Convem referir que alguns desses países estavam tão mal ou pior que Portugal e ao usufruir dos mesmos benefícios souberam revitalizar as suas economias (basta olhar para a Irlanda). Porque é que temos de pagar tantos impostos pelos nossos carros? Porque é que o IVA em Espanha é de 16%? Eles tiveram uma guerra civil no século passado e um ditadura até mais tarde do que nós, seria de esperar que estivessemos melhor que os espanhois!
Talvez não seja possível devido à mentalidade Portuguesa. O ideal é entrar para a função pública pois o estado não nos pode pôr na rua, tem de assegurar a nossa saúde e as horas de trabalho nem são más (se somarmos os minutos trabalhados por dia, entre jogos de solitário e copas).
Eu sou da opinião de que, se temos de pagar por tudo e por nada ao menos que esse dinheiro vá para o estado. Desse modo sempre dá para tapar uns buracos e evitar que nos peçam ainda mais dinheiro. Ora eu só me pergunto é porque é que temos que pagar a empresas privadas para poder usufruir de certas coisas? Estou a pensar concretamente na Brisa que já foi do Estado mas que agora está privatizada. Porque é que temos de pagar tanto de portagens para viajar em condições pelo nosso país? Vocês dizem, é precisamente por isso para as estradas poderem ser mantidas em condições! E eu digo, não quando a Brisa dá lucros astronómicos todos os anos! Só este ano foram mais de 30 milhões de contos. Ao menos que o dinheiro fosse parar aos cofres do Estado!Claro que tanto lucro não é de estranhar, quando só nos dão o recibo quando o pedimos, podendo de outro modo fugir aos impostos!
Também dava jeito que o dinheiro do Estado não fosse esbanjado como no episódio das minas da panasqueira (esse episódio deixo para o meu amigo Farinha contar!) .

2 Comments:

At quarta-feira, novembro 02, 2005 12:23:00 da manhã, Blogger Carlitos! escreveu...

Permitam-me, caros leitores (e autor do "post") uma correcção: não se joga «copas» na Função Pública, mas sim «Spider». Tentemos, por favor, ser mais precisos para a próxima, ok?

 
At segunda-feira, novembro 21, 2005 2:38:00 da tarde, Anonymous Inês escreveu...

Apoiado Miguel!
Este país já não tem ponta por onde se pegue... E a culpa n é exclusiva dos nossos caríssimos governantes... A culpa é mesmo de todos nós!
Acordem para a vida Tugas!

 

Enviar um comentário

<< Home